I Tried a Pumpkin Spice Latte ☕️

17.10.18 Sincerely Ronnie 1 Comments


Provavelmente não sou a única que segue no Instagram uma galera que mora no hemisfério norte e "sofre" com as estações opostas. Quando é verão lá é inverno aqui, quando é outono lá, é primavera aqui. O que significa que aqui na Austrália o clima não é muito propício pra celebrar o Halloween. Não é época de abóboras, sweaters fofinhos e com folhas alaranjadas pelo chão. Mas se tem uma coisa que viralizou nos últimos anos durante essa época e que eu fiquei curiosa pra experimentar foi o tal do pumpkin spice. 

Pumpkin spice é uma mistura de especiairias: canela, noz-moscada, gengibre, cravo e allspice (tive que jogar no Google, mas aparentemente em português é "pimenta-da-jamaica"). São alguns dos principais ingredientes da tradicional pumpkin pie que os americanos servem no Thanksgiving (ou durante todo o outono). Enfim. A loucura toda do pumpkin spice se popularizou com um latte da Starbucks e agora já tem receita de cheesecake, biscoito, mousse... até hummus eu já vi; e tem até gente que chama de pumpkin spice season, haha! 

Apesar de ser "fora de época", o tal do Pumpkin Spice Latte - ou PSL, para os íntimos, chegou aqui na Austrália em 2016 e deu as caras de novo em 2017 e 2018. No ano passado eu nem dei notícia, mas ontem eu tava em Brisbane e passei em frente à Starbucks. Vi o cartaz na porta anunciando "PSL, Back in season!" e as três opções de bebida: o latte, o latte gelado e a versão frappuccino. Tava com uma fominha mesmo, daí pensei: let's see what all the hype is about, yeah?

Apesar do calor, resolvi pedir o latte mesmo, original. Não ia me arriscar a pedir o grande porque não sabia se ia gostar, mas pelo preço o menorzinho também não valia a pena - era uns 40 centavos de diferença pra pedir o tall, que foi o que escolhi. Aproveito pra deixar uma dica valiosa que descobri na Starbucks há uns anos atrás: se você pedir a sua bebida quente na temperatura "kids", ou 55º, ela vem prontinha pra beber. Quentinha, mas sem o risco de queimar a boca e você não tem que tirar a tampa e ficar soprando o seu café para sempre pra conseguir beber. You're welcome ;)

Dei meu primeiro gole como se tivesse degustando um vinho. Depois mais outro. E outro. E aí fiquei procurando o gosto do café, hahaha! É uma bebida bem doce e o gosto predominante, pelo menos pra mim, é o da noz-moscada. O café tá ali, óbvio, mas bem disfarçado com a canela, o leite, o creme e tudo mais. Aliás, achei bem cremoso. Gostei e com certeza pediria de novo. Se você gosta de coisas doces, recomendo. E relaxa, não tem gosto de abóbora, haha!

Postei lá nos stories do Instagram e teve gente que veio me perguntar o que eu achei, então resolvi fazer um post por aqui. Aliás, tô feliz que voltei a postar com frequência por aqui, e lá no Instagram também 

Da próxima vez vou ter que experimentar esses donuts de Halloween, tavam com uma cara ótima... hehe. E você, já experimentou alguma bebida sazonal na Starbucks ou em outro lugar?

Beijosss





P.S.: Me acompanhe nas redes sociais! Facebook * Instagram * Bloglovin'

Um comentário:

  1. Adorei esse post explicativo Ronnie! rs Eu sou uma das que fica com vontade de provar tudo quanto é coisa de pumpkin. Eu gosto de bebidas cremosas e pelo que você descreveu, me lembrou um pouco o chai latte.

    ResponderExcluir

What do you have to say about this post? :)